desabafos de agosto

estou pr’aqui assim…

muito bem.  o verão continua. o calor, esse, que parece andar a fazer-se  esquisito do Mondego para cima junto à faixa costeira, aqui,onde me encontro, na última fronteira, onde Portugal encontra o Atlântico e mais uns passos bate com o “nariz” no Norte de África, o calor, dizia, não se faz rogado. Aqui, a minha pessoa, trata, por isso, de se manter afastada de notícias, ou outra qualquer coisa que a transporte para  a realidade. Para já, chega-me a areia, o mar, a sombra de um colmo. Tenho  tempo de acordar para a vida.  a famosa “rentrée”. quero lá saber da rentrée,, quero que isto não acabe já. sem pressas, mesmo com tudo o que para aí vai de novidades em muitos segmentos. não quero saber. “não ‘tou a ouvir, nã, nã, nã..nã…”

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s