desabafos em rodapé

não venham aqui ao engano

ora viva. para hoje quinta-feira, dia doze, há de haver por aí milhões de caracteres dedicados à estreia de 50 sombras de Grey. Pois aqui nem uma palavra se há de dizer sobre o filme. Por que razão havia eu de dedicar algum esforço a tecer considerandos sobre  a prestação cinéfila de Dakota Johnson, cujo pai conheço bem desde que vivia com um crocodilo num barco, enquanto investigava crimes em Miami? Que interesse teria eu em refletir sobre uma estudante de literatura que conhece um individuo , por acaso muito bem apessoado, com um closet muito bem apetrechado, e que lhe pergunta por onde tem ela andado? vem a resposta muito lacónica ” à espera”! E tentando fugir ao trocadilho fácil, à espera também estavam vocês, minhas queridas amigas, que eu aludisse ao assunto, e como veem, foge-me a pena para outras dissertações. É assim, aqui em desabafos, singularidade é o que não falta. Espero que apreciem. Se é para falar do assunto, terão de ir para outras paragens. Quarenta e sete mil bilhetes comprados em jeito de reserva? É que não se percebe que interesse haveria em falar disto!!!

Advertisements

21 thoughts on “não venham aqui ao engano”

  1. Espero que as sombras se dissipem rápidamente e que o gray se transforme em pink, em red, em blue ou mesmo em green…falar desta corrida às bilheteiras é um desconsolo até me trás à memória a última corrida aos balcões da violetta…tudo uma questão de cores, começo agora a compreender porque é que o arco íris é sempre uma admiração…(comentário estúpido este que acabo de fazer, não achas Mia? Valha-nos afinal é o S Valentim para dissipar as sombras que nos perseguem)

  2. Já falei do assunto, e sabes bem porquê. E não é que o dito, é para maiores de 16? ou seja, dentro de pouco tempo, a miúda está na idade de o ver. agora, já penso vê-lo (em casa), para ver o que ela poderá ver. ou então, é melhor não. ficar na inocência, talvez seja melhor.

    1. Sinceramente eu não sei o que vai mostrar o filme que outros não o tenham já feito! O que me parece, é que deve haver planos mais aproximados e mais tempo de filmagem, nas cenas que toda a gente pretende ver! Para quem tem filhos que estão a um passo de também verificarem realidades de ouvirem falar, percebo o cuidado! Eu não faço questão de o ver, não porque seja moralista ou púdica de prateleira, tão só, porque já dei para tanto marketing! O Último Tango em Paris, credo, tanta lambança, 9 semanas e meia, tanto barulho também, e depois, se me lembro de algo em particular? Não. Passou e andou. São modas e boa publicidade!

  3. Olá, Mia !
    Histeria nacional / mundial ?
    Pré – venda de bilhetes a partir de 13 Dezº ? Tudo esgotado ?
    Embirro com este tipo de marketing das distribuidoras.
    Estará tudo louco ?
    Banido na Malásia / Indonésia ?
    França para maiores de 12, Portugal de 16 ?
    Histórias de amor (aos quadradinhos ) !
    Beijo,
    José

    1. Olá José!
      Toda esta gritaria à volta do filme tirou-me a vontade de o ver, até porque há aí outros que valem bem mais a minha atenção. Nuns lados é banido (moralistas hipócritas), categorização aleatória. História de amor? será? aos quadradinho é de certeza. Pelo menos a tela parece ter essa forma!
      Beijo,
      Mia

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s