desabafos em rodapé

ah! o politicamente correto

O politicamente correto, do qual sou apoiante, impede-me de desancar, aqui e agora, num certo grupo de pessoas (muitas) que tem por hábito apenas invocar direitos, esquecendo os deveres.

Estando eu  à espera para pagar  produtos acabados de adquiri numa certa superfície comercial, cujo primeiro nome é sinónimo de gota e o último de sabor agradável,eis que se passa isto:

A fila estava um nadinha grandota :” Susana à caixa um” . A Susana chegou e disse:  ” pela mesma ordem passam a esta fila.” Eu como já tinha os meus produtos no “tapete ” da caixa dois, aquietei-me. Outros mudaram-se. Nesta mudança, chega de rompante alguém que ignora regras de cidadania. Podia ser qualquer pessoa, pois já assisti a vários episódios destes, mas, calhou hoje, ser com aquela. Alegando que estava cheia de pressa, que não tinha visto que havia pessoas à sua frente, abalroou meio mundo para ser a primeira. As pessoas entreolharam-se e não reagiram. O carro das compras vinha bastante cheio. Os produtos foram passando um a um, até que no fim de tudo, via-se um saco de batatas bem espalmado no fundo do carro, muito descansado à espera de ser movido, quando se ouve a funcionária dizer que não havia necessidade de o tirar, pois ela sabia o código. “Engano seu, minha querida, – disse eu para mim- pois há sacos de carne  debaixo das batatas, e vão passar como clandestinos pela porta da saída. Estamos todos a ver  e não dizemos nada. E porquê? Por cobardia. E os sacos plenos de carne rosada, jaziam mudos e calados lá no fundo, à espera de passarem incólumes pela última fronteira que nos permite sair sem problemas daquele lugar: a caixa registadora. E saíram.

Nós? Também mudos e calados, observando o desplante. É natural, não nos queremos envolver em problemas.

 A pessoa, se não fosse o politicamente correto, eu dizia já aqui que pertence a uma certa etnia que domina os mercados e feiras de megafone em punho. Mas devido a essa prática moderna. não me pronuncio.

Venho a pensar em direitos , em deveres, em práticas interventivas, em cidadania. Sou uma palerma. Falo, falo, mas depois, não faço nada. Agora, podem desancar-me pois há aqui matéria xenófoba.

Advertisements

16 thoughts on “ah! o politicamente correto”

  1. A senhora do carrinho sabia que ainda havia carne por baixo para passar na máquina e não a colocou no tapete, nem avisou a funcionária? Incrível. Quanto a dizer alguma coisa e por muito “reaccionária” que eu queira ser, também não teria certamente coragem de o fazer.

    1. A senhora do carrinho, sabia sim. A funcionária confirmou já não ser a primeira vez que usam aquele truque. A ser assim, havia que ser mais cauteloso. Episódios pouco dignificantes.

    2. Pois eu cá não me calaria, e depois viria o arrependimento. Provavelmente sairia da caixa, iria à secção do talho, e escolheria uns quilos das carnes melhores. Depois inocaria o meu direito de não pagar, afinal estamos em democracia, se é para uns, tem de ser para todos! E quero lá saber da etnia. Ciganos, pois então… se se orgulham da sua “raça”, há que chamá-los pelos nomes. Já agora, pessoas desta mesma etnia deixaram abandonados, ali mesmo, na Maceira, um cavalo, um cão e um pónei. Vou hoje contactar o SEPNA, depois de os fotografar. Mas porque é q se acobardam, têm medo de quê?

      1. Acho que só é para aqueles que se sentem bem na conciência das coisas de mal que fazem. E às vezes não falamos para não provocar estrilho, porque a nossa vergonha é maior do que a deles.

      2. Pois, também não o sei. Ou melhor, desconfio que não fazemos bem. Por outro lado, e se realmente aparecesse alguém e estivesse a roubar por necessidade’ Não estou a dizer que seja o caso, mas pode acontecer. enfim, independentemente do certo ou errado, havemos de agir como temos coragem.

  2. Não desanco, que n é motivo p tanto, porém… Já vi mta gente de bem (alguns mm benzocas) fazer bem pior.
    Alias, na minha gravidez assisti com cada pérola…nomeadamente um senhor bem posto (sem qq problema, e q se alapou numa caixa prioritária) a dizer “ah sim, pode ter prioridade mas eu estava cá primeiro”
    Qt aos bens, vamos dar o beneficio da duvida q a senhora na altura nem se tivesse apercebido, afinal até foi a empregada q disse p n tirar as batatas, certo?…qt mto ela tirou partido da situação. Mas tb, sendo Jerónimo Martins, só se perdem as q foram pagas… 🙂

    1. Todo este episódio é enervante. Não respeita a fila, e sabe que leva a carne de forma a tirar o “barro à parede”! Pegou. Tenho mais episódios com funcionários desta cadeia. Ao sítio onde vou, alguns deles, parecem um pouco “baldas” nas cautelas que deviam ter. E, já agora, acrescento que os benzocas, são também capazes de cada trunfo, que nos põem a pensar, para quê tanta peneira. Aqui não se trata de escalão económico, é mesmo falta de vergonha na cara.
      Boa noite, Me.

  3. Qualquer que seja etnia, o que fez está malfeito!
    Acho que faria o mesmo que a Mia, embora não seja atitude de que me orgulhe 😦

  4. Esses momentos sao tao dificeis…fazer o que supostamente e correcto, e muito diferente do politicamente correcto. Eu fazia o mesmo que tu muito provavelmente e depois iria-me sentir exactamente como tu.

  5. ahahahah Mia, aqui a ‘lenta’ de serviço ficou uns 2 minutos a ler a ‘gota’ e ‘sabor agradável’ até exclamara um ‘AH’ já percebi qual a superfície!!! Ainda me estou a rir de mim própria…
    E já agora eu que trabalhei nessa cadeia de supermercado e nas caixas, posso dizer que já passou por mim cada situação em que eu ficava mais embaraçosa que as próprias pessoas que tentavam sorrateiramente levar produtos sem pagar! Teria um enorme gosto em partilhar as artimanhas todas que por mim passaram, mas acho que ficava aqui um bom tempo e não queremos ser maçadores 🙂
    E os que menos aparentam são os que mais fazem estas habilidades… Mas eu no lugar da Mia e com a minha vergonha habitual acho que também me calava e falava ‘mal’ p’ra mim baixinho 😦 Embora saiba que essa não é a atitude correcta!

    Beijinhos***

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s