coisas da vida, desabafos em rodapé

camisolas traçadas

não a régua e esquadro.

não.

são camisolas dadas como refeição.

lã da melhor qualidade. e até algodão.

o tal que não engana.

e não.

introdução à problemática da existência de traças, animal indesejável. dispensável, desprezível. anacoluto. colocíntida.flibusteiro (obrigada, Capitão Haddock).

a minha amiga Paula tem um roupeiro. nele guarda a roupinha de seu bambino, rapaz que hei de aqui, dar-vos a conhecer, um dia destes. a minha amiga gosta de surpresas. quando elas são boas, claro. as imagens que aqui apresentamos ( no plural, pois são de sua autoria, eu só sou o veículo de transmissão) podem incomodar os mais sensíveis. aconselhamos cuidados acrescidos. não visionem junto a cardíacos ou portadores de outras sensibilidades.

20160315_181923_resized

arrasador. espetáculo degradante. mas alguém tem de denunciar.

20160315_182028_resized

se conseguirem, reparem na enormidade do estrago.

20160315_182101_resized

estão já a sofrer de palpitações?

a minha amiga, para além de ser uma pessoa muito inteligente  e muito competente, é muito asseada. Esta camisolinha nunca chegou a aquecer o corpinho do menino Duarte, seu filho dileto.  asseguro-vos que o roupeiro tem conteúdo anti -animal-desprezível-ó-dispensável.

fosse este registo da autoria de Álvaro Magalhães colocaria, o seguinte:

NUM À COISA CUM MAIS GRAÇA

CUMA TRAÇA PEQUENINA

CANDO ELA PAÇA INTÉ TREMEM

AS BOLAS DE NAFETALINA

uma pessoa nem sabe como concluir um post carregado de tanto drama.

bom dia.

Advertisements

12 thoughts on “camisolas traçadas”

  1. A Paula que as leve ao veterinário para eutanásia, além de permitir uma morte digna às bichinhas (a naftalina é uma coisa bárbara, apenas comparável a câmaras de gás) e ainda deduz a despesa no IRS.

    1. Kina, a tua sugestão seguiu agora mesmo por correio expresso, pois há veterinários abertos 24 horas. Há que aproveitar que não chove.
      Vejo que és uma pessoa sensível. Eu era capaz de apelar à naftalina como resolução final, e encharcar o roupeiro de ar bem oxigenado, para libertar o cheiro pestilento de tal bolinha mortífera!
      O IRS? Queime-se tal invenção Faça-se já um auto-de fé! Eu hoje estou possuída com espírito de carrasco medieval!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s