coisas minhas, desabafos em rodapé

fica uma pessoa aborrecida

 

Finlândia. Norte da Europa. Bem lá no cimo  e muito perto de onde vem o frio, o bacalhau, todas as boas práticas sobre o ensino, a Nokia, o Pai Natal, os veados muito sisudos que fazem boas fotografias a quem os apanha, e agora, Sol. Céu limpo e calor. Assim me dizem umas colegas de trabalho que lá foram e parecem estar  a gostar. Eu não sou egoísta. Todos têm direito à vitamina D, ao raio solar que exige protetor.

E nós aqui?

Nós estamos a sofrer uma  distribuição deficitária do produto. Do raio solar, por assim dizer. Fiquei momentaneamente arreliada. Deu-me vontade de colocar uma larga faixa desde o Rio  Minho até à Ponta de  Sagres com um “dizer” :Portugal

Uma pessoa evita enervar-se, mas chega a pontos de já não ter energia.

boa noite.

 

 

Advertisements

14 thoughts on “fica uma pessoa aborrecida”

  1. Calma, minha querida amiga, venha passar uns dias aqui na antiga colônia da América do Sul e se esbaldar com o sol e vitamina D.
    Um beijo enorme, Mia querida.
    Alex

    1. Miss Smile, permita-me reproduzir palavras sábias de um povo que sofre ” Um mulher prevenida vale por duas.”
      Uma pergunta, não, afinal, duas:
      – custa a tomar?
      Bom dia e um beijinho.
      Mia

  2. Faz uma falta danada essa da vitamina D para o humor e vitalidade. Também tenho andado mais cabisbaixa e estou desejosa que o bom tempo regresse… Beijinhos grandes Mia.

  3. Pois eu nao trespasso este cantinho por coisa nenhuma.
    Ia adorar viver na filandia. Atraem-me os países nórdicos. Mas este cantinho não dispenso.
    O sol há de vir. E quando vier, espero que seja suave, tímido, para não ser 8 e 80.
    Mas com tudo o que vejo no mundo, os absurdos, este cantinho com todos os seus defeitos, agrada-me cada vez mais. Embora seja difícil, cada vez mais. Enfim… que tal pegar num avião até o sol? _:)
    If only 🙂

    1. PT, que posso dizer?
      Eu não sou de grandes aventuras, mas tenho a certeza que, uma vez daqui saída, as saudades haveriam de falar mais alto. Não sei. Só conheço o estrangeiro como turista, e essa visão é sempre redutora.
      Mas o sol anda a fazer-me falta.
      🙂

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s