coisas da vida, desabafos em rodapé

levanta-se e dê o lugar…

Compreende-se que haja necessidade de sensibilização. Vive-se muito a olhar para dentro.

stand-up-for-pregnant-public-transport-service-ad-shiyang-he-2

gravida_2

não havia necessidade. há valores que não deveriam ser chamados à liça.

Advertisements

6 thoughts on “levanta-se e dê o lugar…”

  1. Onde é que já vi isto? Não, não foi só em Coimbra. Também em Viseu e em Santa Comba Dão.
    E estava eu com um doente oncológico muito grave, o meu pai. Num e noutro caso houve direito a cadeira de rodas e noutro, felizmente, aprendi a dizer palavrões com as cacetadas da vida. Não é o meio mais elegante mas quando a nossa vida dá uma volta de 360º, a maquilhagem e os telemóveis fazem com que “não vejam” (leia-se “finjam”) não vejam um doente oncológico que não se segura em pé, e qualquer queda possa ser fatal…
    Fora do contexto familiar, é muito comum ver este cenário com idosos.

  2. Pois não devia ser necessário não. Faz-me tanta espécie esta falta de civismo das pessoaa. Caramba, são regras básicas da educação.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s