coisas minhas, desabafos em rodapé

minha mãe dá licença?

-dou.

-quantos passos?

– dois à bebé.

era sempre assim.  lá à frente, uma vez lá chegada, não havia quem amolecesse aquele coração na generosidade de permitir passinhos mais ligeiros. não! que o poder demorara a conquistar. uma vez demasiado perto, sentença pesada:

-dois à caranguejo,

e neste retrocesso se sentia que , mais tarde, poderia muito bem a vida replicar estas inocências.

e no meio da conquista, passo a passo, soava a indignação.

-estás  aguardar os passos à gigante?

 o passo à gigante… nada de ambição desmedida, senão mudamos já de jogo, e

um, dois, três, macaquinho do chinês _

-ah! vi-te.

mas estou parada.

-eu vi-te!

e parada se ficava. estátua conseguida à custa de muita concentração almejando iludir o comando lá à frente.

“indo eu, indo eu, a caminho de viseu”.

Advertisements

12 thoughts on “minha mãe dá licença?”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s