coisas minhas, desabafos em rodapé

chocolate

sempre confirmado como essencial. os estudos são cada vez mais convincentes.

( a literatura e o cinema também ajudam)

é só dedicar um pouquinho de tempo às conclusões, e o mundo abre-se para um universo mais aconchegado. só para apreciadores

pessoalmente, quanto mais negro melhor. ♥

boa semana.

 

Advertisements
desabafos em rodapé

estudo muito pertinente

li aqui : Em Portugal, o fim de semana começa às 13H45 de sexta-feira, revela um estudo da Budget, efetuado com sete mil adultos em sete países europeus. Já em Espanha, o fim de semana começa oficialmente às 10h10 da manhã de sexta-feira, tornando-se o mais longo entre os sete países alvos da pesquisa​​. Em comparação, o fim de semana mais curto está em Itália, onde apenas começa às 19h36 de sexta-feira. (continua)

. espero que estes estudos tenham mesmo substrato científico, senão…com que cara vou ficar, se tiver de continuar  a trabalhar pela tarde afora? vá lá. cuidado com isso. já agora, bom fim de semana, sem hífen. como manda o acordo com quem (quase) ninguém concorda.

desabafos em rodapé

estudos científicos e provérbios populares

li há tempos que um novo estudo da universidade de oxford, e do museu nacional de história natural de londres, permite defender que a teoria da extinção do homem de Neanderthal, pode estar relacionada com o aumento do tamanho dos seus olhos: mais informação visual, menores capacidades cognitivas. As conclusões foram divulgadas na publicação científica ” Proceedings of the Royal Society B “.

o que que é isto nos pode proporcionar em termos de análise profunda e reflexão aturada? muito. muito mesmo. cheguei à conclusão que foi aqui que nasceu a famosa expressão ”tens mais olhos que barriga”.


desabafos de agosto, férias por todo o lado

saltos altos

numa publicação mensal dedicada a assuntos maioritariamente femininos, lê-se que, qualquer mulher envergando sapatos altos numa ida às compras, estes, podem ajudá-la a consumir de forma mais equilibrada. Esta conclusão resulta de um estudo científico à volta do assunto. Eu concordo. quando às cinco ou seis da tarde, depois de um dia de trabalho, resolver ir massacrar os pés e as pernas num tour por diferentes lojas, tenho a certeza, que as dores nas costas, o inchaço nos pés, e a sensação de ter uns 500Kg distribuídos uniformemente à volta do fémur, me hão de demover de continuar em tal agonia. garanto que a minha vontade de consumir fica muito, mas muito diminuída. a partir daí o meu cérebro dá ordens muito específicas aos meus membros inferiores que, só desejam, no imediato, um sofá, uma cadeira, um chão limpinho acompanhado de um tapete fofinho…o estudo está comprovado.

Nota: voltarei a este assunto, com uma experiência pessoal, a qual designarei por: experiência pessoal sem anotações científicas. se eu me esquecer , lembrem-me por favor. Obrigada.

Imagem
estes, estão fora deste tipo de estudos científicos…